Comentários

  1. Fiquei surpreso com Final Fantasy VII Remake, pois pensei que seria um Kingdom Hearts mais sério, porém os sistemas de jogo parecem mais complexos do que simples apertar botões. Veremos quando sair, só me preocupo com essa coisa de dividir em episódios (sendo que os produtores ainda não sabem quantos episódios vão ser produzidos).

    Já Oninaki, pra mim, está decepcionante. A ação no geral está muito lenta, parece que o jogo está em constante slowdown. Fora isso, parece ser só mais um RPG de ação qualquer sem nenhum atrativo próprio (eu preferiria ir jogar Ys, por exemplo). E ao contrário de você, achei I Am Setsuna e Lost Sphear só ok, então já não espero muita coisa não, haha.

    Fora isso, fiquei intrigado com o fato de que eles vão trazer mais jogos da série SaGa para o Ocidente. É uma franquia de JRPGs experimentais bem curiosa e com alguns sistemas meio malucos, talvez eu arrisque esses novos.

    1. Falei bem de I Am Setsuna e Lost Sphear porque, no geral, foram bem falados pela crítica (acho eu ahah). Ainda não joguei nenhum mas gostava. Eu nunca fui muito de jrpg, mas cada vez mais estou interessado em dar oportunidades e esta conferência teve muitas opções.

Post a Comment